CLICK HERE FOR BLOGGER TEMPLATES AND MYSPACE LAYOUTS

domingo, 19 de outubro de 2008

O que é?



É um aperto no peito, sem razão;
É a razão de ser que se perdeu;
É agonia, é dor no coração;
É querer um amor que não é meu;
É sofrer sem saber o que fazer;
É também um querer não mais viver;
É estar sem estar, ter e não ter;
É deixar de sonhar só por saber,
Que eu devo viver sem ter você.

5 comentários:

Lilian Dalledone disse...

Essa sua poesia veio bem a calhar.
Meu momento é de reflexão. E também não sei bem o que fazer. É difícil caminhar por conta própria às vezes...

Isaac Marinho disse...

Se é.
Às vezes me sinto meio sem rumo. Há certas decisões que não estou acostumado a tomar.
Mas é isto, é "vivendo e aprendendo". Espero aprender logo... =)

Um abraço.

Vicmendon disse...

Nada melhor do que ler uma poesia como essa antes de dormir.
Durmo agora com o coração calmo, anestesiado. Sempre me vejo nessas poesias e nessa então eu me vi completamente.

Virei fã :D

Srta. Butterfly disse...

Eu já sou fã!! =]
Linda poesia Isaac..
Me pego cheia de dúvidas tbm todas as noites antes de dormir(penso em tudo antes disso!kk)Tô percebendo que é meio difícil tomar o rumo da minha vida sozinha..dá medo de errar e ter que refazer tudo depois..mas a vida é assim,se tudo fosse fácil não teria graça nenhuma.
Abraço Sr. Marinho!
=**

Isaac Marinho disse...

Yo! Saudações! [^_^]
Agradeço a consideração, Victor. Volte sempre que puder, e comente sempre que quiser. =)
Pelo visto, todos estamos no mesmo barco dos "sem-rumo". Mas nós vamos chegar lá. Sempre há um lugar para onde ir.

Srta. Butterfly, até você aparecer por aqui eu pensava que era o único ser a "pensar a vida" (não é "pensar na vida") antes de dormir. =D
Apesar das dificuldades em tomar decisões etc, não podemos desanimar; ainda há o que se viver.

Obrigado por comentarem.

Um abraço.

Contribua

pensador.info

deviantART

Parceiros

Divulgue!

create your own banner at mybannermaker.com!

Copie este código para exibir meu banner no seu site:

Livros que estou lendo...

PerguntaÊ!