CLICK HERE FOR BLOGGER TEMPLATES AND MYSPACE LAYOUTS

domingo, 15 de novembro de 2009

Conflito



Quero expulsar de mim 
Todo esse amor que me sufoca, 
Mas se ele escapa do meu peito 
Vira poemas e canções só pra você.

Assim vejo crescer 
— sem que exista outro jeito — 
Uma paixão que me esgota, 
Que escrevo em verso e vivo em prosa, 
Um bem querer que não tem fim.


quinta-feira, 12 de novembro de 2009

Enfeitiçado



Harpias não me arrebatarão 
Que já caí no teu encanto 
Nada mais vejo, nada mais ouço 
Só quero ir ao teu encontro

Sereias nunca me apanharão 
Que cego e surdo sigo sorrindo 
Tudo o que sinto é um amor louco 
Meu coração foi possuído


Contribua

pensador.info

deviantART

Parceiros

Divulgue!

create your own banner at mybannermaker.com!

Copie este código para exibir meu banner no seu site:

Livros que estou lendo...

PerguntaÊ!