CLICK HERE FOR BLOGGER TEMPLATES AND MYSPACE LAYOUTS

segunda-feira, 17 de maio de 2010

Errei



Nada no coração 
Uma saudade 
No mar da solidão 
Que me invade.

Tudo é escuridão 
E a dor me parte. 
Queria ter razão… 
E agora é tarde.

Faltou compreensão 
Da minha parte; 
Deixei o amor no chão, 
Eu fui covarde.


3 comentários:

isabellanucci disse...

Muito comovente a sua poesia! Adorei o blog :)

Isaac Marinho disse...

Olá, Isabella! =)

Seja bem-vinda ao Textos Perdidos! ;)

Obrigado pela visita e pelo comentário.

Volte sempre!

Um abraço.

isabellanucci disse...

Muito comovente a sua poesia! Adorei o blog :)

Contribua

pensador.info

deviantART

Parceiros

Divulgue!

create your own banner at mybannermaker.com!

Copie este código para exibir meu banner no seu site:

Livros que estou lendo...

PerguntaÊ!