CLICK HERE FOR BLOGGER TEMPLATES AND MYSPACE LAYOUTS

terça-feira, 21 de abril de 2009

Da minha Paixão



Te querer é um martírio,
Pois te ter é impossível;
Mas te quero.
Testemunho deste amor,
Que me causa tanta dor,
Não o renego.
Me dedico piamente:
Ponho nele corpo e mente;
Eu o prego.
Sigo estigmatizado,
Deste amor sou um escravo,
Mas me alegro.


8 comentários:

Srta. Butterfly disse...

Oi meu bem..

Se sou a sonhadora, você é o apaixonado..que bela dupla somos! =]

Bjim..
Boa noite..

Isaac Marinho disse...

Se bem que...Eu não sou o apaixonado, não. Sou o 'eterno apaixonado', só isso. =D
Escrever é a minha maior paixão, viver e escrever pra mim é uma coisa só; se eu vivesse sem escrever, poderia me considerar morto.

Obrigado pela visita.

Abraços.

mita disse...

Menino!!! Cada dia mais inspirado!! Por q será??
bjus.....

Isaac Marinho disse...

Motivos não me faltam...
Mas nem vou dizer quais são... =D

Obrigado por me visitar e comentar.

Abraços.

Teia de Textos disse...

Dor poética é sempre linda, quando o motivo é o amor, aí tudo fica mais fácil e encantador.
Parabéns pelo blog!

mita disse...

rsrsrssrs.... hum!!! Segredo agora é??!!! txi amu!! bjus.....

Isaac Marinho disse...

Respondendo...Olá, Ester! [^_^]

A poesia é algo que me encanta também.
Fico feliz em saber que você gostou do blog.

Muito obrigado pela visita e pelo comentário.

Volte sempre!

Abraços.


E...Olá, Sunamita! =)

Pois é, o negócio é secreto mesmo. Como diria Djavan:

"Meu bem querer meu bem querer é segredo, é sagrado está sacramentado em meu coração..."

Abração.

Teia de Textos disse...

Dor poética é sempre linda, quando o motivo é o amor, aí tudo fica mais fácil e encantador.
Parabéns pelo blog!

Contribua

pensador.info

deviantART

Parceiros

Divulgue!

create your own banner at mybannermaker.com!

Copie este código para exibir meu banner no seu site:

Livros que estou lendo...